Blog do Roberto Silva


UOL GOLS DOS BRASILEIROS NO EXTERIOR NA SEMANA - SEGUNDA A SEXTA (09 A 13/02)

SEGUNDA-FEIRA, 09/02

AMISTOSOS INTERNACIONAIS

Cléo, do Estrela Vermelha-Sérvia (2x2 Slask-Polônia)

 

 

Diogo Rincon, do Dinamo Kiev-Ucrânia (2x0 Sparta Praga-Sérvia)

 

 

 

PORTUGAL

Cristiano, do Paços Ferreira (1x1 Belenenses)

 

 

Saulo, do Belenenses (1x1 Paços Ferreira)

 

 

 

ISRAEL

Douglas Silva, do Hapoel Tel Aviv (4x0 Beitar Jerusalém)

 

 

 

TERÇA-FEIRA, 10/02

AMISTOSO INTERNACIONAL

Juca, do Partizan-Sérvia (2x1 Hiroshima-Japão)

 

 

 

QUARTA-FEIRA, 11/02

AMISTOSO ENTRE SELEÇÕES

Roger Guerreiro, da Polônia (1x0 País de Gales)

 

 

 

QUINTA-FEIRA, 12/02

QATAR

Aloísio, do Al-Rayyan (2x3 Al-Sailiya)

 

 

Araújo, 2 gols do Al-Gharafa (3x1 Al-Wakra)

 

 

Fernandão, do Al-Gharafa (3x1 Al-Wakra)

 

 

Marcinho, do Qatar SC (1x1 Al-Khor)

 

 

 

HONG KONG

Dega, do Tai Po (3x1 Mutual)

 

 

 

IRAN

Felipe Alves (Felipe Alves de Souza, meio-campo, 26 anos, ex-Vasco-RJ, Bragantino-SP, Madureira-RJ, Avaí-SC e Paraná-PR), do Malavan (2x1 Pas-Hamadan)

 

 

 

SEXTA-FEIRA, 13/02

TAÇA LIBERTADORES

Marcelo Gomes (José Marcelo Gomes, meio-campo, 27 anos, ex-Bonsucesso-RJ), do Universitário Sucre-Bolívia (1x1 Deportivo Quito-Equador)

 

 

 

PORTUGAL

Nenê, 2 gols do Nacional (3x0 Vitória de Guimarães)

 

 

 

OMAN

Rodrigo, do Al-Seeb (1x1 Al-Khaboora)

 



Escrito por Roberto Silva às 15h13
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]


ENTREVISTA

LUCIANO (PIERIKOS/GRÉCIA- SEGUNDA DIVISÃO)

 

Nosso convidado para a "resenha" da semana foi o meio-campo Luciano Mourão Bonifácio. Aos 26 anos, Luciano, nascido em Jequitinhonha-MG está em sua terceira temporada na Grécia, tendo atuado no Kalamata e há pouco mais de um mês foi contratado pelo Pierikos, com contrato de um ano e meio. No Brasil, Luciano teve passagens por Vila Nova-MG, Mamoré-MG, Ipatinga-MG (por 3 meses), Juventus-SP e Democrata de Governador Valadares-MG.

 

BRS- Como surgiu essa oportunidae de atuar na Grécia?
Luciano- Estava no Democrata e um empresário de Governador Valadares me fez a proposta e aceitei e em uma semana já estava na Grécia.

 

BRS- Como foi a adaptação dentro e fora de campo?
Luciano- No início foi muito difícil, não sabia falar grego e nem inglês, que já ajuda. Fui contratado pelo Asteras Tripolis, mas não pude jogar pelo limite de 5 estrangeiros que já havia no time e daí fui pro Kalamata. Nos primeiros 3 meses não falava nada, só treino e casa, pois não havia brasileiro em Kalamata. Até para comer só apontava com o dedo. Comprei um livro de pronúncia grego-português e comecei a anotar todas as respostas das minhas perguntas e assim fui aprendendo.

 

BRS- Hoje existem vários brasileiros na Grécia. Vocês costumam se reunir para colocar a resenha em dia?
Luciano- Sim, mas mais em Atenas, onde tem mais times e brasileiros.

 

Veja um vídeo com 2 gols de Luciano pelo Kalamata

 

 

BRS- Nos últimos anos o futebol grego evoluiu bastante conquistando inclusive uma Eurocopa. Passa pela sua cabeça a possibilidade de naturalização para defender a seleção da Grécia?
Luciano- Não. Meu pensamento hoje é disputar uma primeira divisão aqui. Este ano apareceu a oportunidade, mas a proposta do Pierikos foi melhor. Mas minha maior vontade mesmo é regressar ao Brasil.

 

BRS- Você acha que o técnico e os demais companheiros de time depositam maior responsabilidade sobre você por ser brasileiro?
Luciano- Certamente. Estrangeiro aqui tem que fazer a diferença: Quando ganha, ganham todos; quando perde, a culpa é nossa. Aqui eu tenho que fazer tudo: lançar, armar o jogo, cobro faltas, escanteios, tenho que fazer gols também... É complicado.

 

BRS- Existem diferenças estruturais entre a primeira e a segunda divisão grega?
Luciano- A primeira divisão é outra coisa, é muito mais fácil jogar e a segunda é muita força, os gregos são meio cabeça dura. Os campos estão duros demais e eles não conseguem botar a bola no chão, é só chutão. Eles não veem a gente na frente deles e quando os estrangeiros pegam na bola é que se percebe a diferença. As vezes dá um desânimo durante a partida. Além disso a torcida comparece pouco e a mídia não divulga nada e assim como no Brasil, na segunda divisão da Grécia tem acontecido problemas de atraso de salários.


Luciano com a camisa do Kalamata

 

BRS- Falando em desânimo, em algum momento você pensou em abandonar a carreira de jogador de futebol?
Luciano- Sim. Quando sai do Juventus fui para o América-MG. O treinador queria ficar comigo, mas era meu último ano de juniores e não estava havendo acordo. Fiquei 2 meses só gastando dinheiro, daí fui embora e não disse nada a ninguém. Pensei em largar tudo e estudar, fazer outra coisa da vida, mas na minha vida profissional meus familiares me apoiaram bastante para persistir. Outro momento difícil foi depois de 7 meses aqui na Grécia sem contato com brasileiros.

 

BRS- O que esta passagem pela Grécia agregou à sua vida?
Luciano- Cresci muito como pessoa, aprendi a ser mais educado, a respeitar mais as pessoas e profissionalmente evoluí bastante com o futebol europeu.

 

BRS- O que você sente falta do Brasil?
Luciano- Tantas coisas: família, a comida, churrasco...

 

 

BRS- Qual seu passatempo nos momentos de folga?
Luciano- Aqui tem muitas cafeterias, o pessoal adora café gelado e vou a muitas cafeterias. Vou a restaurantes também.

 

BRS- Qual seu maior sonho profissional?
Luciano- Sempre fui flamenguista e meu sonho é jogar no Flamengo. Acho que tenho um estilo de jogo que se encaixaria no Flamengo e além disso a torcida é maravilhosa.

 

BRS- Qual seu ídolo e o melhor jogador em sua posição?
Luciano- Meu ídolo é Romário. Para mim ele é um craque. Na minha posição gosto do Petkovic. Brasileiro na minha posição há muito tempo não vejo, estilo camisa 10, armador.

 

 

BRS- Você quer jogar até que idade? Já pensou nisso?
Luciano- Já pensei sim Roberto: Estou com 26 anos, numa fase boa da vida. Almejo jogar num time grande aqui na Grécia e ficar até os 30 ou 31 anos e depois retornar ao Brasil.

 

BRS- Alguma pessoa em especial merece um agradecimento por ajudar na construção da sua carreira?
Luciano- Com certeza: Meu pai e minha família. Se hoje estou aqui na Europa é graças a Deus e a eles, que sempre me apoiaram e nunca deixaram eu desitir.

 

BRS- Que mensagem você deixa para os internautas que acessam o blog do Roberto Silva em busca de informações de jogadores brasileiros no exterior?
Luciano- Gostaria de dizer que é sempre bom ter um blog como o seu para nos acompanhar e dizer que tenho saudades de jogar no Brasil porque no Brasil é onde está o verdadeiro futebol arte



Escrito por Roberto Silva às 00h08
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]


GOLS DO DOMINGO (08/02)

Por motivos alheios a nossa vontade não divulgaremos os gols marcados por brasileiros nos campeonatos mundo afora. Pedimos desculpas e prometemos não fazer desse impedimento uma rotina. Desde já nosso agradecimento.



Escrito por Roberto Silva às 23h10
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]


GOLS BRASUCAS DO SÁBADO (07/02)

INGLATERRA

, do Everton (3x0 Bolton)

 

 

Fábio Aurélio, do Liverpool (3x2 Portsmouth)

 

 

  

ESPANHA

Ricardo Oliveira, do Betis (3x2 Sevilla)

 

 

 

ESPANHA SEGUNDA DIVISÃO

Ewerthon, do Zaragoza (1x1 Real Sociedad)

 

 

 

FRANÇA

Illan, 2 gols do Saint-Etienne (3x2 Caen)

 

 

 

ALEMANHA

Wellington (Wellington Luis de Sousa, atacante, ex-Inter-RS e Náutico), do Hoffenheim (1x1 Borussia Munchen Gladbach)

 

 

 

 

GRÉCIA

Marcelão, 2 gols do Asteras Tripoli (3x0 Panserraikos)

 

 

 

BÉLGICA

João Carlos, do Genk (1x2 Zulte-Waregen)

 

 

 

 

CHIPRE

Serjão, do Doxa Katokopia (1x2 Omonia Nicosia)

 

 

Eduardo Pinceli (meio-campo, 25 anos, ex-Fluminense-RJ, América-SP, Mirassol-SP, Mogi-Mirim-SP, futebol da Suécia, Malásia, Colômbia e Itália) do Ethnikos Achna (1x3 Paphos)

Veja um vídeo de Eduardo

 

 

  

HUNGRIA

Lucas (Lucas Marcolini Dantas Bertucci, meio-campo, 19 anos, ex-Atlético-PR), do Debrecen (2x3 Vac)

 

 

 

Alex (Alex José de Paula, atacante, 27 anos, ex-Friburguense-RJ, Pohang-Coréia e Levadiakos-Grécia), 2 gols do Lombard Papa (4x0 Gyori)

 

 

 

FINLÂNDIA

Rafinha (Rafael Scarpini Almeida, atacante, 26 anos) do Tampere United (5x2 Inter Turku)

 

 

 

EMIRADOS ÁRABES

Baré, do Al-Ahli (3x2 Al-Shabab)

 

 

Renato Abreu, do Al-Shabab (2x3 Al-Ahli)

 

 

 

 

QATAR

Fernandão, 2 gols do Al-Gharafa (3x2 Qatar SC)

 

 

 

 

LÍBANO

Luiz Cláudio (Luiz Cláudio Soares de Barros, 30 anos, atacante, ex-Vasco-RJ, Inter-RS, Palmeiras-SP, Botafogo-RJ, Sport-PE, São Caetano-SP, Duque de Caxias-RJ e Noroeste-SP), 2 gols do Al-Ansar (2x1 Tadamon)

 

Adriano (Adriano Cassimiro Inocêncio, atacante, 30 anos, ex-Portuguesa-SP e Capivariano-SP), do Tadamon (1x2 Al-Ansar)

 

 

 

HONG KONG

Giovane, do Sun Hei (2x1 Mutual)

 

 

 

VIETNAM

Emídio, do Da Nang (1x0 Hai Phong)

 

 

 

Kesley, do Binh Duong (3x0 Nam Dinh)

 

 

 

EQUADOR

Fabio Renato (Fabio Renato de Azevedo Lima, meio-campo, amazonense, 28 anos, ex-Porto Velho-RO, União Cacoalense-RO e CFA-RO), do Espoli (3x1 Tecnico Universitário)

Veja o golaço de Fabio Renato (o último do vídeo)

 

 

 

EL SALVADOR

(Leandro Lourenço Franco, meio-campo, ex-Guarani-SP), do Águila (1x0 Alianza)

 

 

 

ISRAEL

Gustavo Boccoli, do Maccabi Haifa (2x0 Hakoa Amdar Hamat Gan)

 



Escrito por Roberto Silva às 18h01
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]


[ página principal ] [ ver mensagens anteriores ]
 
Histórico


Categorias
Todas as mensagens ENTREVISTAS



Votação
Dê uma nota para
meu blog



Outros sites
 Perfil Roberto Silva no Facebook
 PÁGINA DO BLOG DO ROBERTO SILVA NO FACEBOOK
 Rádio Tropical 830 AM RJ
 Comunidade Blog do Roberto Silva no Orkut
 Além do Jogo
 Futebol Catarinense
 Moreirense FC