Blog do Roberto Silva


GOLS BRASILEIROS MUNDO AFORA NA SEMANA

SEGUNDA-FEIRA, 01/03

BULGÁRIA

Ademar (Ademar José Tavares Junior, lateral-esquerdo, 29 anos, pernambucano, ex-Sport, Náutico-PE, Guarani-SP, Brasiliense-DF, Ceará, Oeste-SP e ABC-RN), do Cherno More Varna (2x0 Chernomorets Burgas)

 

 

TERÇA-FEIRA, 02/03

INDIA

Edmar Figueira, do Pune (2x1 East Bengal)

 

 

QUARTA-FEIRA, 03/03

AMISTOSOS ENTRE SELEÇÕES

Fábio Montezine, do Qatar (1x4 Eslovênia)

 

 

Liédson, de Portugal (2x0 China)

 

 

QUINTA-FEIRA, 04/03

ARÁBIA SAUDITA

Marcinho (Márcio Miranda Freitas Rocha da Silva, meia-atacante, 29 anos, ex-São Caetano, Palmeiras, Corinthians, Cruzeiro e Atético-PR), do Al-Ahli (1x1 Al-Hazm)

 

 

EMIRADOS ÁRABES

Fernando Baiano, do Al-Wehda (1x1 Al-Jazira)

 

 

INDIA

Josimar, do Chirag United (1x5 Mohun Bagan)

 

 

Barreto (José Márcio Barreto Ramires, gaúcho, 33 anos, ex-Grêmio-RS, Brasil-RS, Uberlândia e Paraguaçuense-SP), 3 gols do Mohun Bagan (5x1 Chirag United)

 

 

SEXTA-FEIRA, 05/03

PORTUGAL

Carlão, do União de Leiria (3x1 Leixões)

 

 

JAPÃO

Jean Witte, do Shonan Bellmare (1x1 Montedio Yamagata)

 

 

JAPÃO SEGUNDA DIVISÃO

Paulinho, do Ventforet Kofu (1x3 Avispa Fukuoka)

 

 

FINLÂNDIA

Rafinha (na foto com a camisa do ex-clube, Tampere United), do HJK Helsinki (2x1 TPS Turun Palloseura)

 

 

IRÃ

Gélson, do Aboomoslen (2x1 Malavan)

 

 

Luizão, do Pekyan (2x2 Pas-Hamadan)

 

 

BAHREIN SEGUNDA DIVISÃO

Max, do Bahrein Club (7x1 Al-Ittifaq)



Escrito por Roberto Silva às 15h58
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]


ENTREVISTA

JOÃO ALFREDO (AL-MABARRAH - LÍBANO)

O blog do Roberto Silva conversou com o meia-atacante brasileiro João Alfredo, de 26 anos. Nascido em Carazinho-RS, João Alfredo Von Muhlen Junior está jogando pela segunda temporada no Al-Mabarrah, do Líbano, um país asiático que faz fronteira com a Síria e Israel, tem uma população de quase 4 milhões de habitantes e viveu uma guerra civil durante quase duas décadas entre os anos 70 e 90. Atualmente, o futebol líbanes tem um número considerável de jogadores brasileiros, além de João Alfredo, o Al-Mabarrah conta ainda com o zagueiro Rafael Leite e o atacante Jorginho. No Brasil, João Alfredo atuou pelo Tiradentes-SC, Marcílio Dias-SC, Navegantes-SC, Brusque-SC, Águia Negra-MS, XV de Campo Bom-RS e Penapolense-SP. João Alfredo nos conta um pouco de sua história pessoal e profissional.

Ficha do jogador

Nome: João Alfredo Von Muhlen Junior

Data e local de nascimento: 10/01/84, Carazinho-RS

Times: Avaí-SC, Glória-RS e Marcílio Dias (categorias de base); Tiradentes-SC (2004), Marcílio Dias-SC (2005), Brusque-SC (2006), Navegantes-SC (2006), Águia Negra-MS (2007), XV de Campo Bom-RS (07/08), Penapolense-SP (08) e Al-Mabarrah (09/10)

 

BRS- Como surgiu a oportunidade de jogar no Líbano e o que você sabia ou conhecia sobre o país?
João Alfredo- Foi através de um amigo que me apresentou um líbanês e eu dei meu dvd para ele. Alguns meses depois vim para o Líbano. Até então não tinha nenhuma informação, mas como estava esperando a concretização da negociação comecei a buscar informações e assistir vídeos sobre o país.

 

BRS- Profissionalmente falando, como está sendo essa primeira experiência no futebol do exterior?
João Alfredo- Tinha muita curiosidade de saber como era a vida e o futebol fora do meu país. Aos poucos fui me adaptando e não senti muitas dificuldades no início, achei que seria pior. Hoje em dia estou contente de estar aqui, aprendendo a cada dia e isso me deixa feliz.

 

BRS- No lado pessoal, o que vai representar essa passagem pelo Líbano?
João Alfredo- Tive e estou tendo muitos aprendizados no dia a dia. Um exemplo são os idiomas que você acaba aprendendo, praticando nos treinamentos, no hotel, em supermercados, shoppings, enfim. Uma das dificuldades foi a alimentação, porque temos de cozinhar e no início não sabia fazer nada, mas fui aprendendo e hoje já consigo fazer um almoço para minha familia quando chegar ao Brasil (risos).

 


Jorginho (n°19), Rafael Leite (n°16), um dirigente líbanês e João Alfredo (n°12), os três brasileiros do Al-Mabarrah

 

BRS- Sua equipe não figura entre as maiores forças do futebol líbanês, estando atualmente na oitava colocação entre as doze equipes que disputam a Liga Nacional. Em termos de competitividade, isso interfere de alguma forma em seu dia a dia?
Joaõ Alfredo- Minha equipe é considerada uma boa equipe aqui e pode fazer frente com qualquer outra equipe. Ano passado disputamos a Copa da Ásia e acabamos dando prioridade para esta competição. Esse ano infelizmente não tivemos um bom início na Liga, mas estamos melhorando e estamos na semifinal da Copa do Líbano. Minha principal motivação é buscar um título e estamos próximo disso.

 

BRS- O que pode dizer em termos de estrutura do Al-Mabarrah?
João Alfredo- É um clube com boa estrutura em termos de futebol líbanês. Moro em um bom hotel, treino em campo de grama sintética, bons materiais de treinamentos, coisas que o jogador necessita para desempenhar um bom trabalho, além é claro de serem corretos em termos financeiros, não tenho do que reclamar. Mas certamente os clubes libaneses precisam pensar mais alto e evoluírem.

 

BRS- Quais as principais diferenças sentidas por você em relação ao futebol brasileiro?
João Alfredo- Uma das maiores dificuldades é em relação a forma como o treinador arma a equipe, me pedindo para jogar mais pelos lados do campo ou como volante, porque não tem o hábito de jogar com um meia atrás dos atacantes. Outra dificuldade são os campos: Em novembro e dezembro começam as chuvas e prejudicam muito os gramados.

 


João Alfredo em momento de folga no Líbano

 

BRS- Seu estilo é de um meia-atacante que faz muitos gols. Apesar da grande diferença de gols entre você e o atual artilheiro (10 gols), ser artilheiro é um objetivo e engrossar a lista de brasileiros artilheiros no Líbano, que já conta com Toninho Santos (99/00) e Silvio Costa (02/03)?
João Alfredo- Tenho como principal objetivo conquistar um título aqui no Líbano. De uma forma ou de outra quero ser importante para minha equipe, fazendo o máximo de gols que puder ou dando assistências.

 

BRS- Hoje o futebol líbanês conta com vários brasileiros, inclusive sua equipe tem outros dois compatriotas. Seria o prenúncio de uma nova era no futebol líbanês, que ocupa atualmente o 145° lugar no ranking da FIFA ou apenas uma coincidência?
João Alfredo- Realmente tem um número muito bom de brasileiros esse ano aqui, em comparação ao ano passado, quando terminou a temporada, éramos somente três brasileiros, sendo que cada uma das doze equipes poderia ter três estrangeiros. Torcemos muitos um pelo outro para que não seja apenas uma mera coincidência e sim para que, cada vez mais, o jogador brasileiro possa ser visto e reconhecido.

 

BRS- Ter muitos brasileiros por perto facilita o dia a dia ou não tem influência? Tem sempre aquela reunião "brazuca" para colocar a resenha em dia?
João Alfredo- Moramos perto um do outro e toda quarta-feira nos reunimos e colocamos nossa resenha em dia, afinal nesse país e no futebol resenha é o que não falta (risos).

 


João Alfredo no CT do Al-Mabarrah

 

BRS- 2010 é seu segundo ano no Líbano, que teve recentemente o zagueiro brasileiro Marcílio defendendo sua seleção. A naturalização libanesa ou até mesmo de outro país é uma coisa que passa pela sua cabeça? Já houve alguma conversa nesse sentido?
João Alfredo- Isso passa pela minha cabeça sim. Não vejo problema algum quanto a isso e se for interessante para mim, principalmente financeiramente agora e no futuro aceitaria numa boa. Até agora não houve nehuma conversa em relação a naturalização libanesa.

 

BRS- Como é a relação do povo líbanês com o futebol e principalmente com os brasileiros?
João Alfredo- O povo líbanês gosta muito de futebol e principalmente do jogador brasileiro. É um povo acolhedor, que nos trata muito bem. Não tenho qualquer tipo de problema com nenhuma pessoa no meu clube e nem no meu dia a dia aqui. Me sinto muito bem vivendo nesse país.

 

BRS- Quais seus planos de imediato na carreira?
João Alfredo- Ano passado jogamos a Copa da Ásia contra times do Kuwait, de Omã e da Jordânia e gostei muito desses lugares e como acompanho muito futebol aqui no mundo árabe, tenho muita vontade de jogar nos Emirados Árabes.

Veja um gol de João Alfredo pelo Al-Mabarrah:

 

 

BRS- Conte alguma experiência engraçada, curiosa ou embaraçosa que você tenha vivido ou presenciado no Líbano.
João Alfredo- Estou a quase dois anos aqui e nunca vi nada demais como pensava antes de vir para cá. Essa semana aconteceu uma situação em que um dos líderes deles terminou de falar ao vivo em um canal de tv e algumas pessoas foram paras as ruas e começaram a disparar tiros para o alto. Eu estava na rua e não via a hora de chegar ao hotel, porque era perto de onde eu estava. O mais curioso é que no dia seguinte estava treinando e achei uma bala de revólver no campo de treino.

 

BRS- Qual seu passatempo nas folgas no Líbano?
João Alfredo- Fico muito na internet com a namorada, meus pais e amigos. Gosto de acompanhar o futebol mundial pela net ou pela tv. Tenho que ser o "dono de casa" também, pois moramos em dois no apartamento e dividimos as tarefas. Quando temos um ou dois dias de folga procuramos conhecer os pontos turísticos do país.

 

BRS- Em algum momento da carreira você pensou em desistir diante de alguma dificuldade?
João Alfredo- Já pensei sim por algumas coisas que aconteceram comigo, mas futebol é assim mesmo e como dizia um treinador que tive: é céu e inferno o tempo todo. Temos que trabalhar para que possamos colher bons frutos.

Veja um vídeo com gols e lances de João Alfredo jogando pelo Águia Negra-MS:

 

BRS- Quem foram os principais incentivadores da sua carreira e que merecem um agradecimento especial?
João Alfredo- Não vou citar nomes, pois posso esquecer de alguém e ser injusto. Agradeço a Deus pelo dom que me deu e procurar aprimorar a cada dia para que meus objetivos sejam alcançados.

 

BRS- Deixe uma mensagem aos internautas que acompanham os brasileiros no exterior através do blog do Roberto Silva.
João Alfredo- Primeiramente tenho que agradecer-lhe a oportunidade de passar um pouco da minha vida no Líbano e que seu blog possa crescer cada vez mais, porque é uma forma de alegrar muita gente que torce por nós jogadores. Grande abraço.



Escrito por Roberto Silva às 01h45
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]


GOLS DO DOMINGO, 28/02

ITÁLIA

Adailton, 3 gols do Bolonha (4x3 Genoa)

Marcos de Paula, do Chievo Verona (2x1 Cagliari)

Alexandre Pato, 2 gols do Milan (3x1 Atalanta)

Julio Baptista, do Roma (2x2 Napoli)

Maicon, da Internazionale (3x2 Udinese)

 

ITÁLIA SÉRIE C1 A

Róbson Toledo, do Ravenna (2x2 Reggiana)

 

ITÁLIA SÉRIE C1 B

Paulinho, do Sorrento (4x0 Lecco)

 

HOLANDA

André Bahia, do Feyenoord (3x2 Groningen)

 

TURQUIA

Jô, do Galatasaray (4x1 Kasimpasa)

Alex, do Fenerbahce (1x2 Istanbul BB)

Beto, do Gaziantepspor (1x1 Eskisehispor)

 

TURQUIA SEGUNDA DIVISÃO

Kauê (Kauê Caetano da Silva, lateral-esquerdo, 26 anos, ex-Ituano, Inter-RS e Joinville-SC), do Konyaspor (1x4 Karabukspor)

 

ESPANHA SEGUNDA DIVISÃO

Marco Aurélio (naturalizado turco), do Real Bétis (2x1 Cartagena)

 

PORTUGAL

Maykon, do Paços Ferreira (5x3 Vitória de Setúbal)

William, 2 gols do Paços Ferreira (5x3 Vitória de Setúbal)

Danielson, do Paços Ferreira (5x3 Vitória de Setúbal)

Wíres, do Rio Ave (1x0 Academica de Coimbra)

 

PORTUGAL SEGUNDA DIVISÃO

Anilton (José Anilton Junior, zagueiro, 29 anos, alagoano, ex-Penedense-AL, Ipanema-AL, Corinthians-AL; Aves e Braga-Portugal e Pandurii-Romênia), do Portimonense (3x0 Freamunde)

Jardel (Jardel Pereira de Souza, matogrossense, 27 anos, volante, ex-Cruzeiro-MG, Juventude-RS; Marítimo e Estrela da Amadora-Portugal), do Feirense (1x1 Penafiel)

Michel, do Penafiel (1x1 Feirense)

Alexandre Matão (Alexandre Aparecido Reche Bernardes, atacante, 23 anos, ex-Fluminense-RJ, Juventude-RS, Brasil-RS, São José-RS, Farroupilha-RS e Glória; Gil Vicente-Portugal e GAIS-Suécia), do Carregado (1x1 Fátima)

Lelo (Leandro de Lira Ferro, atacante, 27 anos, ex-Ituano-SP, Oeste-SP, Sertãozinho-SP e Taquaritinga-SP; Widzew Lodz-Polônia e Marítimo-Portugal), do Varzim (1x2 Santa Clara)

 

GRÉCIA

Diogo Rincón, do Kavala (3x1 Panthrakikos)

 

GRÉCIA SEGUNDA DIVISÃO

Gustavo Veronesi, do Kerkyra (1x0 Ethnikos)

Rogério Martins, do Olympiakos Volou (3x2 Ionikos)

 

UCRÂNIA

Jadson, do Shakhtar Donetsk (1x0 Vorskla Poltava)

 

BÓSNIA

Wagner Lago, do Siroki Brijeg (2x3 Slavija Sarajevo)

 

MÉXICO

Danilinho, do Jaguares (3x3 Puebla)

 

HONDURAS

Marcelo Cabrita, do Motagua (1x0 Olimpia)

 

MARROCOS

Gleisson Freire, do Kawkab (2x0 Widad Fez)

Jeferson Escher, do Kawkab (2x0 Widad Fez)

 

EMIRADOS ÁRABES

Éder Gaúcho, do Al-Sharjah (1x0 Al-Dhafra)

 

VIETNAM

Neném, do Hoang Anh Gia Lai (2x0 Binh Duong)

Antônio Carlos Dong Tanh Long An (2x0 T&T Hanoi)

Lázaro, do Hai Phong (4x2 Song Lam Nghe An)

Eduardo Furrier, do Hoa Phat Ha Noi (3x2 Lam Son Thanh Hoa)

Gustavo Dourado (Gustavo dos Santos Dourado, atacante, baiano de Irecê, 30 anos, ex-Catuense-BA, Potiguar-RN, CRB-AL, CSE-AL, Jataiense-GO, Busaiteen-Bahrein e Dong Tam Long An-Vietnam), do The Vissai Ninh Binh (2x5 Dong Thap)



Escrito por Roberto Silva às 15h25
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]


GOLS BRASILEIROS DO ÚLTIMO SÁBADO DE FEVEREIRO, 27/02

INDONÉSIA

Beto Belém, do Pesipura (2x1 PSM)

 

 

LÍBANO

Jorginho, 2 gols do Al-Mabarrah (2x1 Shabab Al-Gazieh)

 

 

CORÉIA DO SUL

Fabrício, do Seongnam Ilhwa Chunma (3x0 Gangwon)

 

 

Eninho, 2 gols do Jeonbuk Hyundai (3x1 Suwon Samsung)

 

 

Adilson, do Seoul (5x2 Daejeon)

 

 

EL SALVADOR

Zé Oliveira, do Alianza (1x1 Vista Hermosa)

 

 

GUATEMALA

Allan Junior, do Suchitepéquez (3x2 Xinabájul)

 

 

HONDURAS

Douglas Caetano, do Real España (1x1 Marathón)



Escrito por Roberto Silva às 15h06
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]


GOLS BRASILEIROS DO ÚLTIMO SÁBADO DE FEVEREIRO, 27/02

EUROPA

ITÁLIA

Keirrison, da Fiorentina (1x1 Lazio)

 

 

ITÁLIA SÉRIE B

Éder, do Empoli (3x0 Modena)

 

 

Gabionetta, do Crotone (4x0 Grosseto)

 

ESPANHA

Kaká, do Real Madrid (5x1 Tenerife)

 

 

ALEMANHA

Cacau (naturalizado alemão), 2 gols do Stuttgart (2x1 Eintracht Frankfurt)

 

 

ALEMANHA TERCEIRA DIVISÃO

Rockembach da Silva, do Rot-Weiss Erfurt (1x2 Heindenheimer)

 

 

HOLANDA

Éverton, do Heracles Almelo (2x1 Heerenveen)

 

 

PORTUGAL

Éder Luís, do Benfica (4x0 Leixões)

 

 

Evaldo, do Sporting Braga (3x1 Olhanense)

 

 

Mateus Nascimento, do Sporting Braga (3x1 Olhanense)

 

 

Djalmir, do Olhanense (1x3 Sporting Braga)

 

 

Kléber, do Marítimo (1x2 Naval)

 

 

ROMÊNIA

William Gerlem, do Vaslui (2x1 Pandurii)

 

 

CROÁCIA

Dodô (Luiz Paulo Hilário, atacante, 21 anos, carioca, primo de Eduardo da Silva, atacante do Arsenal-Inglaterra), do Dinamo Zagreb (6x0 Sesvete)

 

 

CHIPRE

Evandro Roncatto (atacante, ex-Guarani-SP, Santo André; Paços Ferreira e Belenenses-Portugal), do Ermis Aradippou (1x3 Paphos)

 

 

Eduardo Marques, do Paphos (3x1 Ermis Aradippou)

 

 

Roma (Juliano Laurentino dos Santos, atacante, paraibano, 24 anos, ex-CSA-AL e Sport-PE; Valdevez e Covilhã-Portugal e Foolad-Irã), do Doxa Katokopia (2x2 Paralimni)

 

 

UCRÂNIA

Jajá, do Metalist Kharkiv (1x2 Karpaty)

 

 

HUNGRIA

André Alves, do Videoton Szekesfehevar (2x0 Kecskemet)

 

 

SÉRVIA

Cléo, do Partizan (3x0 Borac Cacak)

 

 

BÉLGICA SEGUNDA DIVISÃO

Alexandre da Silva (Alexandre Jansen da Silva, zagueiro, 23 anos, naturalizado belga, ex-FC Brugge e Standard Liége-Bélgica), do Tubize (1x2 Eupen)

 

 

BULGÁRIA

Alberoni, do Slavia Sofia (1x0 Sportist Svoge)

 

 

ESLOVÁQUIA

Bernardi, do Trnava (2x0 Tatran Presov)



Escrito por Roberto Silva às 13h01
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]


[ página principal ] [ ver mensagens anteriores ]
 
Histórico


Categorias
Todas as mensagens ENTREVISTAS



Votação
Dê uma nota para
meu blog



Outros sites
 Perfil Roberto Silva no Facebook
 PÁGINA DO BLOG DO ROBERTO SILVA NO FACEBOOK
 Rádio Tropical 830 AM RJ
 Comunidade Blog do Roberto Silva no Orkut
 Além do Jogo
 Futebol Catarinense
 Moreirense FC